Psicografia 2 – O que ELES têm a dizer…

Já estamos finalizando mais um ano em nova temporada de Festas e comemorações. Independentemente se nessa época você comemora o nascimento de Jesus de Nazaré, Chanukah, solstício de verão ou apenas aproveita para estar junto de familiares, a atmosfera de união que essa época evoca nos convida a reflexões internas. É um momento propício para reavaliarmos atitudes e renovarmos votos de um recomeço em busca do acrilosamento espiritual. A mensagem de hoje, inevitavelmente, nos situa na iminência de uma tempestade. Essa mensagem é um convite para que nossas reflexões se voltem para nossas fundações e nos faça avaliar com antecedência vantajosa aquilo que carregamos em nossos Leia mais

Religiões picaretas: 7 características para identificá-las

Nos últimos textos postados nós falamos sobre livre-arbítrio e a relação dele com o conhecimento e a sabedoria. E no texto O Abismo nós falamos sobre a dificuldade de acesso a conhecimento confiável. Vale a pena dar uma conferida lá antes de iniciar a leitura desta lista sobre religiões picaretas! No último texto, foi dito que a religiosidade representa uma porta de acesso ao mapa que indica o caminho que nos leva ao nosso objetivo. A maneira como cada um acessa a sua própria religiosidade é muito particular, mas o modo mais frequente de fazer isso é seguindo uma religião ou seita ou doutrina ou filosofia de vida criada/revelada/organizada por outra(s) pessoa(s). Os Leia mais

Sabedoria e livre-arbítrio – Estamos andando em círculos

No texto anterior, abordamos a relação entre livre-arbítrio e conhecimento. Agora, vamos elaborar um breve ensaio sobre os mecanismos envolvendo as nossas tomadas de decisão e suas consequências para o nosso desenvolvimento espiritual, além de apontar a importância da Sabedoria. Ao tomar contato com várias filosofias e doutrinas espiritualistas, nos deparamos com conceitos de Espírito, Eu Maior, Eu Sou, Supraconsciência, Eu-Crístico, etc., quase sempre pontuando sobre a necessidade de domínio do Ego ou do Eu manifestado para atingir um estado de Iluminação, Ascenção, Consciência Crística, Quinta Dimensão, Evolução, etc. Deixando de lado as diferenças e analisando Leia mais

Livre-arbítrio – Quando o conhecimento liberta

Vou iniciar este texto situando o tema a partir de uma questão d’O Livro dos Espíritos: “O homem tem livre-arbítrio de seus atos? R. Visto que ele tem a liberdade de pensar, tem de agir. Sem livre-arbítrio o homem seria uma máquina ” [1]. A própria resposta à pergunta já define livre-arbítrio, que, segundo o minidicionário Aurélio significa “a capacidade individual de autodeterminação”. Ou seja, temos a liberdade de pensar e de auto determinarmo-nos, direcionando as nossas ações de acordo com nossa vontade. Mas antes de entrar no tema em si, precisamos, antes, situarmo-nos no Todo. Precisamos compreender o nosso papel na existência para, aí sim, entendermos Leia mais

Encarnação, Plano Encarnatório e o que estamos fazendo aqui…

A encarnação é a expressão temporária do Espírito [1] no plano material. Entretanto, o Espírito, quando encarnado, não manifesta todo o conhecimento que carrega em si (ou o corpo físico não aguentaria), o que acarreta, de modo mais evidente, em esquecimento das vivências anteriores. Quando perguntados os Espíritos entrevistados por Allan Kardec sobre o porquê do esquecimento do passado quando encarnamos, eles responderam que "pelo esquecimento do passado, ele [o Espírito reencarnado] é mais ele mesmo" [2], ou seja, livre das recordações, o Espírito encarnado consegue recomeçar uma prova sem que as lembranças afetem negativamente suas tomadas de decisão. O cérebro Leia mais